Translate

quinta-feira, 31 de julho de 2014

ESSA MADUSA...

Sabem a copeira aqui da redação, a Madusa, aquela que a mãe a batizou com esse nome depois que viu uma etiqueta na roupa da patroa e gostou do nome (Made in USA); então, ela ao me servir o cafezinho disse: “patrão, às vezes você não enxerga o que está na sua cara”. Parei de tomar o café e olhei fixamente para ela, que completou:
“Lembra do processo da COPASA? Não foi só a empresa que foi condenada. Olha lá quem mais foi condenado, e com quem está o processo”, completou de forma enigmática e foi embora. Fiquei ali matutando: Bom, quando o Dr. Josefino faleceu ninguém quis ficar com o processo, e hoje ela está na Procuradoria do Município de Três Corações... Agora, quem será que foi ali também condenado, segundo afirmou a Madusa? Fiquei tentando lembrar e nada, até que o cafézinho esfriou...

IBOPE MOSTRA PIMENTEL E PIMENTA EM EMPATE TÉCNICO

O petista Fernando Pimentel e o tucano Pimenta da Veiga estão empatados, se levada em consideração a margem de erro da pesquisa Ibope divulgada nesta quarta-feira (30) pelo "MGTV", da "TV Globo". Na pesquisa contratada pela emissora, Pimentel soma 25%, enquanto Pimenta registra 21%. Como a margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos, o petista pode ter entre 22% e 28%, enquanto o tucano ficaria entre 18% e 25%.
Na terceira colocação do levantamento aparece Tarcísio Delgado (PSB). Ele soma 3% dos votos. Eduardo Ferreira (PSDC) e Andre Alves (PHS) somam 2% cada um. Fidelis Alcântara (PSOL), Cleide Donária (PCO) e Túlio Lopes (PCB) registraram 1% cada. Brancos e nulos somam 13%, enquanto os indecisos somaram 31%.
A pesquisa contratada pela TV Globo está registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MG) com o número MG-00058/2014 e entrevistou 1.512 pessoas, entre os dias 26 e 28 de julho. 
Rejeição
O instituto perguntou ao eleitor sobre a rejeição aos candidatos. Os líderes da pesquisa também são os mais rejeitados. Enquanto 12% dizem não votar em Fernando Pimentel em nenhuma hipótese, 10% não votariam em Pimenta da Veiga de jeito nenhum. Cleide Donária e Fidelis Alcântara foram citados por 9% dos entrevistados. André Alves tem 8% de rejeição, Tarcísio Delgado tem 7% e os candidatos Eduardo Ferreira e Túlio Lopes são rejeitados por 6% dos eleitores pesquisados. Enquanto isso, 30% dos entrevistados dizem votar em qualquer um, enquanto 34% não souberam ou não responderam.
Avaliação de governo
O Ibope também mediu a avaliação do governo hoje comandado por Alberto Pinto Coelho (PP). Para 32% dos entrevistados, o governo é ótimo ou bom; 35% avaliam que a gestão é regular, enquanto 18% consideram que é ruim ou péssimo. Outros 14% não souberam ou não responderam.

quarta-feira, 30 de julho de 2014

LICITAÇÃO NA PREFEITURA DE TRÊS CORAÇÕES


AVISO DE LICITAÇÃO
PREGÃO Nº 104/2014

Prefeitura Municipal de Três Corações Departamento de Compras e Licitação Divisão de Licitação PREGÃO: Nº 00104/2014 PROCESSO: Nº 00214/2014 OBJETO: aquisição de material eletrônico permanente (lavadora, impressora fiscal, balanças, liquidificadores, aparelhos de dvd, fax, som e telefone, caixas amplificadoras, câmeras digitais e microfones). O município de Três Corações/Prefeitura Municipal de Três Corações, com sede na Rua Cel. Alfredo Silva, 57, Bairro Centro, CEP 37.410-000, torna pública a licitação na modalidade Pregão. Data de abertura dos envelopes: dia 13 de agosto de 2014 às 09:00 horas Endereço: Rua Cel. Alfredo Silva, 57- centro / Departamento de Licitação Sob a responsabilidade da SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE, SECRETARIA MUNICIPAL DESENVOLVIMENTO SOCIAL, SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO E RECURSOS HUMANOS conforme Lei Federal n.º 8.666 de 21.06.1993 e alterações, Lei nº 10.520/02 e pelas demais condições fixadas neste edital. O Edital completo, seus anexos, impugnações, recursos, decisões e demais atos deverão ser acompanhados pelos interessados para ciência através do site www.trescoracoes.mg.gov.br, ou no Departamento de Licitação das 09:00 às 11:00 horas e das 14:00 às 16:00 horas.

Três Corações, 24 de julho de 2014.
TAMIRES PICHELI
Chefe de Divisão de Licitação

NA FESTA DE ANIVERSÁRIO DO ALTAIR ATÉ MARIDO BATEU NA MULHER

A festa de aniversário do ex-presidente renunciante Altair Nogueira foi um luxo (como diriam os colunistas sociais). Teve de tudo, inclusive um conhecido briguento, contam, encheu de sopapos a própria mulher; depois saiu ligando para todos os amigos se despedindo, falando que ia embora; foi nada, no dia seguinte foi visto ali pelos lados da prefeitura.
Não sei quem foi o marido briguento, mas  o 'pau comeu', mesmo

SÍTIO DA ORGIA, PRECATÓRIA FOI EXPEDIDA

Leitores e amigos pedem para informar a quantas anda o processo crime que corre na Vara Criminal de Varginha sobre a acusação de abuso de menor (sítio da orgia), envolvendo o Altair Nogueira, Davi de Souza, Cleyton Higino, Marcio de Souza e Caizé.
No dia 17/6 chegou uma precatória (pedido de um juiz para outro de Comarca diferente) oriunda daquela vizinha cidade para Altair Nogueira, Davi de Souza e Márcio de Souza (Marcinho vovô). 
O Juiz da 1ª Vara Criminal de Três Corações despachou em 3/7 e a secretaria expediu o mandado em 24/7.
Retornando, cumprida, para Varginha o processo volta ao Juiz Criminal, Dr. Oilson, para sentença.
Talvez o Oficial de Justiça tenha dificuldades em localizar o Davi de Souza, pois tentativa em outro processo estão sendo feitas sem sucesso. No seu endereço ele não tem sido encontrado.

terça-feira, 29 de julho de 2014

ESCLARECENDO A POLÊMICA GORDO DENTISTA

Esclarecendo a polêmica Gordo Dentista x Fábio Além (ou vice e versa)
O Gordo Dentista tinha em aberto o processo 069305034387-2 em trâmite pela 1ª Vara Civil de Três Corações. Trata-se de uma Ação Civil Pública movida pelo Ministério Público no ano de 2005. A ação tinha como parte todos os seus secretários à época. Pois bem, agora, em 1/7/2014 esta ação foi extinta, com isso perdendo todos os seus efeitos, e foi arquivada.

A ação da polêmica é a de nº 0030612-51.2014.8.13.0693. Esta ação também movida pelo Ministério Público foi distribuída no dia 28/3/2014. Pois bem, até o dia 25/7/2014 ela estava conclusa para despacho ou decisão do juiz da 1ª Vara Cível.
Como o Gordo está comunicando que está sem restrição (espero que sim, pois eleição com o Gordo disputando é sempre interessante), pode ser que a sentença tenha sido dada favorável a ele e ainda não publicada.
No site do Tribunal Regional Eleitoral ainda consta como candidatura impugnada, cabendo recurso.

TRÊS CORAÇÕES: GORDO DENTISTA E FÁBIO ALEM POLEMIZAM NESTE BLOG

Gordo Dentista
O ex-prefeito e agora candidato a deputado estadual pelo PMN, Gordo Dentista, e o cidadão Fábio Antônio Jacinto Alem, estão polemizando entre eles em postagens neste Blog. Fábio, ao que tudo indica, foi quem denunciou o candidato Gordo Dentista junto ao Ministério Público Eleitoral. Gordo por sua vez afirma que são denúncias que não se sustentam e que em nada vão prejudicar a sua campanha, e faz acusações contra Fábio. Já Fábio diz possuir documentos que comprovam a sua denúncia, mas não deu publicidade a eles. Vamos aguardar os desdobramentos!


DILMA ADMITE EFEITOS DE CRISE FINANCEIRA: 'TODOS NÓS ERRAMOS'

Em sabatina, presidente-candidata culpou cenário internacional por desempenho fraco da economia brasileira. Ela também disse que houve "dois pesos e 19 medidas" no caso do mensalão

Gabriel Castro, de Brasília
Dilma Rousseff na sabatina Folha/UOL
MAROLINHA – A presidente-candidata Dilma Rousseff em sabatina UOL/Folha/SBT/Jovem Pan: "Minimizamos os efeitos da crise sobre a economia brasileira" (Pedro Ladeira/Folhapress)
A presidente-candidata Dilma Rousseff admitiu nesta segunda-feira que o Brasil sofre os efeitos da crise financeira internacional e afirmou que a avaliação do então presidente Lula, que se referiu à turbulência como "marolinha", foi equivocada. "Todos nós erramos, sabe por quê? Porque a gente não tinha ideia do grau de descontrole que o sistema financeiro internacional tinha atingido", disse ela. Dilma participou de sabatina promovida pela Folha de S. Paulo, pelo UOL, SBT e pela rádio Jovem Pan.
"Nós minimizamos os efeitos da crise sobre a economia brasileira", disse a presidente, quando tentava explicar os números acanhados do crescimento econômico em seu governo. Ela também afirmou que "nenhum país se recuperou" até agora.
Mensalão – Durante a sabatina, que durou cerca de uma hora e meia, Dilma também respondeu sobre o episódio do mensalão e, apesar de dizer que não comenta decisões judiciais, afirmou que falta critério à Justiça. "Nessa história da relação com o PT, tem dois pesos e umas dezenove medidas, porque o mensalão foi investigado, agora o mensalão mineiro, não", afirmou ela, esquecendo-se que o valerioduto mineiro foi investigado, porém ainda não foi julgado porque o processo mudou de instância no Judiciário. "No nosso caso, tomamos todas as providências. Nós não tivemos nenhum processo de interromper a Justiça, não pressionamos juiz, não falamos com procurador, não engavetamos processo", continuou.
Ainda falando sobre corrupção, Dilma admitiu que, para atender a um pedido do PR, trocou o ministro dos Transportes, César Borges, por Paulo Sérgio Passos – que ela havia demitido do mesmo ministério em 2011, em meio a denúncias de desvio de recursos. Dilma negou, entretanto, que o episódio tenha caracterizado chantagem em troca do apoio do PR nas eleições – e dos minutos do partido na propaganda eleitoral na TV. "Eu me sentiria chantageada se eu colocasse no Ministério dos Transportes uma pessoa na qual eu não confio e que não conheço", disse.
A petista também se enrolou ao comentar por que voltou a se aliar a Carlos Lupi, demitido do cargo de ministro do Trabalho após recomendação do Comitê de Ética Pública da própria Presidência. "Não vou concordar em chamar o ex-ministro Lupi de um cara que fez malfeitos. O ministério pode ter cometido falhas administrativas que vários ministérios (sic), nem um, nem dois, nem três...", declarou, sem completar a frase.
No final, Dilma cometeu uma gafe e tentou corrigi-la a tempo: tentando explicar a mania de guardar dinheiro vivo em casa (152.000 reais, segundo a declaração entregue ao Tribunal Superior Eleitoral). Ela lembrou os tempos em que foi perseguida pela ditadura, mas não conseguiu apresentar uma explicação convincente: "Tenho essa mania com esses meus 150.000 reais que não vou mudar". Um dos entrevistadores afirmou que, se investisse esse montante na poupança, Dilma ganharia pelo menos 10.000 reais por ano. Dilma respondeu: "O que que é 10.000?". Segundos depois, ela percebeu o potencial negativo da frase e emendou: "Eu acho que 10.000 são muito, eu não jogo fora nenhum dinheiro".

CUT PREGA ‘TERROR’ EM CASO DE VITÓRIA DE AÉCIO OU CAMPOS

Ex-presidente Lula discursa na 14ª plenária nacional da CUT
Ex-presidente Lula discursa na 14ª plenária nacional da CUT
A Central Única dos Trabalhadores (CUT), braço sindical do PT, indicou nesta segunda-feira o apoio formal à reeleição da presidente Dilma Rousseff durante a abertura da sua 14ª plenária nacional, em Guarulhos (SP). Na quinta-feira, Dilma participará do encerramento do evento e receberá um documento com a pauta da CUT, com temas como o fim do fator previdenciário e a redução da jornada do trabalho. Será a primeira agenda de campanha de Dilma no Estado de São Paulo. O presidente da CUT, Wagner Freitas, afirmou que a entidade tem de eleger Dilma e fez um discurso de “terror” contra os dois principais adversários da petista nas eleições, Aécio Neves (PSDB) e Eduardo Campos (PSB).
Freitas disse que o tucano “nunca trabalhou na vida” e busca o apoio de centrais sindicais. “Alguém acha que a eleição do Aécio vai significar investimento em política pública de qualidade no Brasil? Uma coisa central é reeleger a presidente Dilma. É importantíssimo para nós continuar tendo um governo que se articule direto conosco”, discursou Freitas.
“Se nós conseguirmos um plebiscito popular para reforma política e o Aécio ganhar a eleição ele joga o plebiscito no lixo. Se nós conseguirmos todos os aumentos nas campanhas salariais e o Aécio ganhar a eleição, vamos ter problema e teremos de fazer campanha para defender a empresa pública, os nossos direitos e o salário. Se o Aécio ganhar a eleição ele vai acabar com a conquista que se consolidou com o presidente Lula, de valorização do salário mínimo”.

ELEITOR ESTÁ REVOLTADO E CRÍTICO

“O eleitor hoje é pragmático e quer melhoria na sua vida”, diz o diretor-geral do Datafolha Instituto de Pesquisas, Mauro Paulino

O sociólogo Mauro Paulino afirma que hoje existe uma rejeição recorde aos políticos e aos partidos em geral que talvez só se compare à época do impeachment do Collor.
À frente do Datafolha Instituto de Pesquisas há 16 anos, o sociólogo Mauro Paulino afirma que esta eleição será imprevisível, e com características únicas, por ser a primeira após as manifestações de junho do ano passado, que geraram enorme má vontade do eleitor com a política. “Hoje há uma rejeição aos políticos e aos partidos que talvez só se compare à época do impeachment do Collor. O Datafolha aponta que 67% dos eleitores não têm preferência por nenhum partido, é um recorde histórico”, conta. Este ano, acredita Paulino, a eleição não será tão dominada por temas econômicos quanto em 2010. “A economia é importante, mas divide a atenção com a exigência por melhores serviços públicos”. Paulino avalia que a presidenta Dilma Rousseff deveria investir numa vitória em primeiro turno. “Se for para o segundo turno, a possibilidade de ser uma campanha muito acirrada é maior”, alerta o sociólogo, que se incomoda com a especulação na bolsa de valores sobre as pesquisas eleitorais: “É pura jogatina”.

BOLETIM ACE: DIA DOS PAIS


segunda-feira, 28 de julho de 2014

ACIDENTE MATA SOLDADO DA ESA

O acidente ocorreu na manhã desta segunda-feira, no trecho entre Três Corações e Cambuquira, o acidente ocorreu bem próximo a Três Corações. No acidente faleceu Fabrício Maciel Lemos, 19 anos, que dirigia o automóvel. Segundo o corpo de bombeiros a vítima teria perdido o controle do automóvel em uma curva e batido de frente com o caminhão.
Foto: Corpo de Bombeiros
Foto: Corpo de Bombeiros
Foto Corpo de Bombeiros
Foto: Corpo de Bombeiros
Segundo a polícia rodoviária, o motorista do caminhão disse que havia muita neblina na pista na hora do acidente. O soldado morreu na hora. O passageiro do carro, Rafael Luis de Souza, de 19 anos, que também é soldado da ESA (Escola de Sargentos das Armas), sofreu ferimentos no pé e na cabeça. O motorista do caminhão e um passageiro, de 24 anos, sofreram ferimentos leves.
As vítimas foram levadas para o Hospital São Sebastião. O corpo do soldado foi levado para o IML de Três Corações.

ANDAMENTO PROCESSUAL DO PREFEITO DE TRÊS CORAÇÕES JUNTO AO TRF 1

Em atenção a diversos pedidos de leitores e amigos, segue a atual situação do prefeito Cláudio junto ao Tribunal Regional Federal em Brasília. Este caso trata de acusação de nove guias do SUS falsificadas. Este não é o caso do chamado 'priapismo'.


JUIZ É SUSPEITO DE BENEFICIAR TRAFICANTES CLIENTES DE ADVOGADA, MOSTRA O PROGRAMA FANTÁSTICO

Polícia encontrou várias sentenças assinadas pelo juiz Amaury de Lima e Souza beneficiando traficantes, clientes da advogada Andrea Elizabeth de Leão Rodrigues.Polícia Federal investiga um crime que pode ter sido cometido por aquele que mais deveria zelar pela Justiça. Um juiz de Minas Gerais está preso, acusado de beneficiar uma das maiores quadrilhas de tráfico de drogas da região sudeste.

Preste atenção no homem do vídeo acima. Ele é juiz de execuções criminais em Minas Gerais, e toma as decisões relacionadas aos presos condenados pela Justiça em Juiz de Fora. E quem é a mulher que está com o juiz no vídeo? Ela é advogada de um traficante. O vídeo é peça-chave numa investigação da Polícia Federal que desmontou uma das maiores quadrilhas de tráfico de drogas do país.

Dezessete pessoas foram presas e cerca de R$ 70 milhões apreendidos em dinheiro, drogas, armas, imóveis, dezenas de carros de luxo e até um avião. A droga era trazida da Bolívia e distribuída, principalmente, em São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais, pelos traficantes Álvaro Daniel Roberto, o Caipira, Peterson Pereira Monteiro, o Zoi, e José Severino da Silva, o Cabecinha.

Mais do que uma rota do tráfico de drogas, Juiz de Fora acabou se tornando uma base estratégica para a organização criminosa e o principal motivo estava no fórum da cidade.

Ao investigar a quadrilha, a polícia encontrou várias sentenças assinadas pelo juiz Amaury de Lima e Souza beneficiando traficantes, clientes da advogada Andrea Elizabeth de Leão Rodrigues. Os dois que você viu juntos, no início dessa reportagem.

Amaury: Alô.
Andrea: Eu não estou entendendo nada.
Amaury: O que que você não está entendendo, o que você me pediu?
Andrea: Tá, mas não tem alvará, não tem nada.
Amaury: Hein?
Andrea: Não tem alvará.
Amaury: Não é isso que você me pediu não. Você me pediu para enviar uma peça do carro para você.
Andrea: Espera a peça chegar. Eu não, mas.
Amaury: Já fiz o pedido da peça.
Andrea: Ah tá, entendi.

Segundo a polícia, a peça seria o alvará de prisão domiciliar que o juiz concedeu a um traficante.

E este não foi o único caso, como mostram documentos, gravações telefônicas feitas com autorização da Justiça e imagens a que o Fantástico teve acesso com exclusividade.

O traficante Álvaro Daniel é de Campinas, estava num presídio em Fortaleza e foi transferido para prisão domiciliar em Juiz de Fora.

Segundo a polícia, foi uma manobra da quadrilha para tirá-lo de trás das grades com ajuda do juiz Amaury. A defesa apresentou um atestado médico afirmando que o traficante precisava de uma cirurgia urgente.

“Certidões falsas, comprovantes de residências falsos, levando esse preso de um estado para a base Juiz de Fora. As provas produzidas dão conta que ele participava, ele não julgava, ele era participante da organização criminosa”, diz Sérgio Menezes, Superintendente PF-MG.

Além de determinar a prisão domiciliar, o juiz permitiu que o criminoso viajasse sem escolta. A advogada Andréa Rodrigues foi buscá-lo, em Fortaleza, num avião particular.

Em Juiz de Fora, a polícia interceptou uma comunicação entre integrantes da quadrilha: “Será que não arruma uns R$ 500 mil até amanhã? Que tenho que pagar o juiz. Que o amigo saiu da cadeia. Mas tenho que pagar, amanhã, R$ 600 mil”.

No dia seguinte, foi em um estacionamento de um hotel em Juiz de Fora que, segundo as investigações, o juiz recebeu o pagamento pela venda da decisão judicial. Tudo foi registrado, comprovando o encontro dele com a advogada do traficante.

Às 18:30, Andrea desce de um carro na entrada lateral do hotel, sai carregando uma bolsa de mão e caminha até a parte de trás do veículo, onde pega uma segunda bolsa maior. A advogada carrega, então, as duas bolsas na direção da garagem.

A câmera do estacionamento, no subsolo, mostra Andrea Caminhando até um carro branco. Ela abre a porta traseira e, segundo a polícia, neste momento, guardou a bolsa maior no porta-malas.

Logo em seguida, Andrea é vista no saguão segurando apenas a bolsa menor. Às 18:41, o carro do juiz Amaury entra na garagem do hotel. Ele estaciona bem ao lado do carro branco onde Andrea esteve minutos antes. O juiz sobe até o saguão e volta em seguida acompanhado da advogada. No elevador, os dois se beijam.

Já na garagem, os faróis indicam que os carros foram destrancados.
Segundo a polícia, neste momento, Andréa teria entregado a mala contendo R$ 600 mil ao juiz.

Amaury entra no carro e vai embora. Ele ficou menos de cinco minutos no hotel. Andrea volta para o saguão, novamente, carregando apenas a bolsa menor.

As câmeras de segurança mostram ainda outro fato revelador: horas antes do encontro com o juiz, Andréa esteve no mesmo hotel com o traficante Álvaro Daniel, que já tinha saído da penitenciária para cumprir pena em Juiz de Fora. 

Com a liminar concedida pelo juiz Amaury de Lima e Souza, esta era a prisão domiciliar de Álvaro Daniel. Do local, ele pretendia continuar comandando o tráfico e controlando as remessas de drogas direto da Bolívia.

Cômodos confortáveis. Piscina, churrasqueira e sauna. Álvaro Daniel ficou em uma casa menos de três meses. Hoje, o imóvel está apreendido e o traficante, foragido.

O juiz Amaury também teve bens apreendidos. "Ele recebeu uma quantia de valor vultoso de cédulas miúdas vindas do tráfico de drogas do Rio de Janeiro. E com esse dinheiro, ele comprou um apartamento e um carro de luxo", aponta Sérgio Menezes, Superintendente PF-MG.

Para a polícia, uma conversa com um corretor de imóveis mostra que parte do apartamento foi paga com dinheiro vivo, e em notas pequenas.

Corretor: Doutor. Tá faltando 1140.
Amaury: É mesmo?
Corretor: É. Num pacote de cinco estava faltando umas notas e no pacote daqueles de dois estava faltando, está tudo separadinho, nós estamos com ele, faltando 140, entendeu?

O advogado de Amaury de Lima diz que o dinheiro não veio do tráfico. O juiz teria usado economias que guardava em casa. “Na verdade, nós vamos comprovar, no processo, que as notas eram de R$ 50 e R$ 100”, diz Gustavo Mendes, advogado do juiz.

A defesa do juiz nega todas as acusações e contesta as provas da polícia. “Não existe nenhuma imagem de transferência de transferência bolsa para o magistrado”, disse o advogado.

Fantástico: E ele foi lá pra quê?
Gustavo Mendes, advogado do juiz: Ele foi simplesmente para despedir dela, visto que ela voltaria pra sua cidade.

Por telefone, o advogado de Andréa não quis falar sobre o caso. A OAB suspendeu, provisoriamente, o direto da advogada de atuar. E contesta a conduta do juiz. “Se um juiz tem uma relação amorosa com uma advogada, evidentemente, que ele juiz deveria se declarar suspeito impedido para atuar no caso”, diz Luis Cláudio Chaves, presidente OAB/MG.

Andrea e Amaury estão presos preventivamente. Entre outros crimes, foram denunciados à Justiça por corrupção, lavagem de dinheiro e participação em organização criminosa. O juiz ainda é acusado de posse ilegal de armas de uso exclusivo das Forças Armadas.

“A prova produzida no inquérito conduzido pela Polícia Federal é contundente, ela é forte, são interceptações telefônicas, são gravações de vídeo, a própria movimentação financeira e a prova testemunhal presente no inquérito. A prova é robusta”, afirma Carlos André Bittencourt, Procurador Geral de Minas Gerais.

No mês passado, assim que os traficantes foram presos, Amaury telefonou para um advogado amigo dele. “Ah, p..., eu estou numa preocupação do c... Então é o seguinte. Eu não sei, cara. Eu estou achando que vem uma m.. muito grossa aí pela frente”, diz Amaury.

Ele foi preso no dia seguinte.

domingo, 27 de julho de 2014

LULA E A REFINARIA DE PASADENA

Nestor Cerveró
Quando o ex-presidente Lula resolveu comandar subterrâneas manobras junto ao Tribunal de Contas da União (TCU) queria mesmo era engavetar o processo sobre a compra da refinaria de Pasadena, repetindo igual esforço às vésperas do julgamento do mensalão. No caso da Petrobras, não queria apenas salvar Dilma Rousseff (o que foi muito comemorado no Planalto) e ver condenados 11 diretores da estatal a devolverem quase US$ 1 bilhão aos cofres públicos. Entre eles, tem amigos e figuras nomeadas pelo próprio Lula e acha que, sentindo-se injustiçados e pressionados, poderão ter as mais surpreendentes reações. De Nestor Cerveró, ex-diretor internacional da Petrobras e demitido da BR Distribuidora, já recebeu um recado: “Eu não tenho vocação para Marcos Valério”.

AÉCIO SE RECUSA A RESPONDER SE USOU AEROPORTO DA CIDADE DE CLÁUDIO MG

O candidato à Presidência pelo PSDB, Aécio Neves, se recusou novamente a responder se já usou o aeroporto da cidade de Cláudio (MG), construído em um terreno que pertenceu ao seu tio-avô Múcio Guimarães Tolentino e ainda não foi homologado pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

Constrangido, o tucano disse neste sábado, 26, durante evento em uma obra social na região de Itaquera, na capital paulista, que "está tudo esclarecido" e passou a discorrer sobre a importância do empreendedorismo no País.
Em entrevista ao Estado, o tio-avô de Aécio afirmou que o aeroporto na cidade mineira era para todo mundo usar, "inclusive o governador". A questão do aeroporto foi até agora a pior crise enfrentada pela candidato tucano. Na última semana, Aécio evitou agendas públicas e se pronunciou sobre o caso apenas pelas redes sociais e por meio de notas divulgadas no site do PSDB.

SANTANDER PREVÊ QUE REELEIÇÃO DE DILMA LEVARIA AO CAOS ECONÔMICO

Botín, dono do Santander, bate pesado na presidenta Dilma em carta aos correntistas de alta renda
Botín, dono do Santander, bate pesado na presidenta Dilma em carta aos correntistas de alta renda
Reprodução do documento encaminhado aos correntistas do Santander
Reprodução do documento encaminhado aos correntistas do Santander.


Banco espanhol Santander, de propriedade do empresário Emilio Botín, várias vezes recebido no Palácio do Planalto pela presidenta Dilma Rousseff, distribuiu comunicado aos clientes de alta renda, nesta sexta-feira (25), no qual atribui à possível reeleição da atual mandatária um quadro caótico na economia nacional. Segundo o banqueiro, a permanência de Dilma no Palácio do Planalto seria prejudicial à economia.
Na carta aos correntistas, sob o título Você e Seu Dinheiro, o banco afirma que “a economia brasileira continua apresentando baixo crescimento, inflação alta e déficit em conta-corrente. A quebra de confiança e o pessimismo crescente em relação ao Brasil em (sic) derrubar ainda mais a popularidade da presidente, que vem caindo nas últimas pesquisas, e que tem contribuído para a subida do Ibovespa. Difícil saber até quando vai durar esse cenário e qual será o desdobramento final de uma queda ainda maior de Dilma Rousseff nas pesquisas. Se a presidente se estabilizar ou voltar a subir nas pesquisas, um cenário de reversão pode surgir. O câmbio voltaria a se desvalorizar, juros longos retomariam alta e o índice da Bovespa cairia, revertendo parte das altas recentes. Este último cenário estaria mais de acordo com a deterioração de nossos fundamentos macroeconômicos.
“Diante desse cenário, converse com o seu Gerente de Relacionamento Select para alocar os seus investimentos de maneira mas adequada ao seu perfil de investimento”, acrescenta o documento.
Depois de flagrado pelo jornalista Fernando Rodrigues, do diário conservador paulistano Folha de S. Paulo, o banco veio a público para pedir desculpas e dizer que não adota viés partidário em suas análises:
“O Santander Brasil vem a público esclarecer que o texto enviado a um segmento de clientes, que representa apenas 0,18% de nossa base, em seu extrato mensal, e repercutido por alguns meios da imprensa hoje, não reflete, de forma alguma, o posicionamento da instituição”, diz trecho da nota. O comunicado fala ainda que a instituição “reitera sua convicção de que a economia brasileira seguirá sua bem-sucedida trajetória de desenvolvimento”.
“A instituição pede desculpas aos seus clientes e acrescenta que estão sendo tomadas as providências para assegurar que nenhum comunicado dê margem a interpretações diversas dessa orientação”, diz a nota do Santander.
“O Santander esclarece que adota critérios exclusivamente técnicos em todas as análises econômicas, que ficam restritas à discussão de variáveis que possam afetar os investimentos dos correntistas, sem qualquer viés político ou partidário. O texto veiculado na coluna ‘Você e Seu Dinheiro’, no extrato mensal enviado aos clientes do segmento Select, pode permitir interpretações que não são aderentes a essa diretriz. A instituição pede desculpas aos seus clientes e acrescenta que estão sendo tomadas as providências para assegurar que nenhum comunicado dê margem a interpretações diversas dessa orientação”, acrescenta.
O extrato foi enviado aos clientes do segmento Select, que abrange correntistas com renda mensal superior a R$ 10 mil e que possuem investimentos acima de R$ 30 mil ou pessoas com renda menor, mas investimentos de, no mínimo, R$ 200 mil.
(Correio do Brasil)

sábado, 26 de julho de 2014

AONDE ANDA O SÉRGIO VERMELHO?

Depois que chegou ao “trabalho” e encontrou o Atila como o novo secretário da Comunicação, sendo também ali mesmo comunicado que fora rebaixado para adjunto de uma outra secretaria, consequentemente com um salário menor, o Sérgio Vermelho, atônito, dissimulou a facada nas costas, deu meia volta e sumiu, escafedeu-se, desapareceu.... Você, prezado leitor, saberia informar o para aonde foi o ex-secretário de Comunicação?

AÉCIO NEVES DEFENDE REDUÇÃO DA MAIORIDADE PENAL PARA CRIMES HEDIONDOS

O candidato do PSDB à Presidência da República, Aécio Neves, defendeu nesta sexta-feira (25) a redução da maioridade penal para crimes hediondos, ao visitar a comunidade de Vigário Geral, na zona norte do Rio de Janeiro, onde assistiu a apresentações de dança e música na sede da ONG Afro Reggae e conversou com moradores.
Segundo Aécio Neves, a redução da maioridade penal para crimes hediondos “pode sinalizar um caminho para a diminuição da impunidade. Estamos falando de casos gravíssimos, crimes hediondos significam 1% do total de jovens que cometem algum delito. Mas essa não é a solução, é uma questão paliativa. A solução é a educação, é a oportunidade, é fazer o Brasil crescer”.
Entre as propostas do candidato estão iniciativas de reinserção de egressos do sistema penitenciário e oportunidades de trabalho e renda para os jovens. Ele citou projeto de Minas Gerais que pretende levar para todo o país, caso seja eleito, que oferece uma poupança para jovens do ensino médio, a qual pode ser resgatada, ao final do terceiro ano, se o jovem tiver uma frequência mínima na escola, participar de oficinas de capacitação e não cometer nenhum crime.
Na saída do restaurante popular onde almoçou, Aécio comentou o pacote divulgado hoje pelo Banco Central, que visa a incentivar os bancos a transformarem em crédito ao consumidor valores retidos como depósitos compulsórios. Ele classificou a medida como “um improviso”. “Como não houve planejamento e o Brasil não conseguiu manter um mínimo de credibilidade para que os investimentos retornassem, essas medidas paliativas e emergenciais podem ter um custo alto lá na frente”.
“O Brasil é hoje um país com enorme desconfiança dos investidores internos e externos pelo excessivo intervencionismo do Estado em setores fundamentais da economia, como o setor energético e o de petróleo. Temos que estabelecer regras claras”, disse, acrescentando que “é preciso adotar um novo modelo, baseado na meritocracia, no Estado enxuto e eficiente”.
Aécio Neves comentou também os ataques de Israel à Faixa de Gaza e as declarações do governo israelense, que classificou o Brasil de “anão diplomático” e “parceiro irrelevante”. “O Brasil, ao longo desses últimos anos, vem tendo uma política externa com viés claramente ideológico. Esta questão específica do conflito na Faixa de Gaza, eu compreendo que haja, sim, uso excessivo da força. Mas nós temos que primar nossa posição pelo equilíbrio. Nós teremos uma política externa que não será ideologizada, será pragmática. Nós temos que reinserir as empresas brasileiras nas cadeias globais das quais elas saíram”. 
(Correio da Bahia)

CAMPANHA: DOADORES SOMEM COM MEDO DA POLÍCIA

É grave a penúria da campanha do ex-ministro Alexandre Padilha (PT) ao governo de São Paulo, que, sem dinheiro, nem sequer consegue pagar salários, mas não é um caso isolado. O endurecimento da legislação e o medo de operações policiais afugentam financiadores. Eles tentam dar preferência aos favoritos nas pesquisas, mas a maior prioridade deles é não aparecer em uma nova Operação Lava Jato, da Polícia Federal.

Em Três Corações essa mesma penúria é sentida. O candidato Gordo Dentista ainda espera o PMN, leia-se CAP -Carlos Alberto Pereira- colocar a mão no bolso. Mesmo sendo milionário o CAP tem a fama de 'pão-duro'.

AÉCIO MUDA ITINERÁRIO APÓS VISITAR PARQUE VAZIO EM SP

NÃO HAVIA NINGUÉM EM CAMINHADA COM SERRA E ALCKMIN PARA ENCONTRAR ELEITORES NO PARQUE DA JUVENTUDEAécio, Alckmin e Serra se encontram no Parque da Juventude (antigo complexo do Carandiru). Foto: Leonardo Benassatto/Estadão Conteúdo
Aécio, Alckmin e Serra se encontram no Parque da Juventude (antigo complexo do Carandiru). Foto: Leonardo Benassatto/Estadão 

O candidato à Presidência pelo PSDB, senador Aécio Neves, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), e o candidato ao Senado José Serra (PSDB) enfrentaram uma saia-justa neste sábado, 26, em ato de campanha na capital paulista 
O trio se encontrou no Parque da Juventude, na zona norte, local onde funcionou o antigo presídio do Carandiru, para fazer uma caminhada e registrar imagens com potenciais eleitores para o programa eleitoral. Mas encontraram o parque completamente vazio.
A situação ficou pior quando começou a chover. Entre os poucos eleitores que encontraram no local estava um grupo de jovens que jogava futebol em uma das quadras. À distância, os adolescentes pediram aos tucanos a legalização das drogas. O senador Aécio Neves não entendeu o que os garotos gritavam e apenas sorriu.
Em outro momento, uma professora da rede estadual de Ensino, Amabile Lopes, de 28 anos, aproximou-se de Alckmin e fez um agradecimento. O governador virou-se e estendeu a mão para a moça, que disse: “Muito obrigada por ter sido demitida na última sexta-feira”.
O tucano, então, afirmou não haver demitido ninguém. “Quem demitiu foi a Secretaria”, disse o governador. Antes de ir embora, disse à professora que iria ver o que tinha acontecido.
Alckmin, Serra e Aécio discutiram, então, uma outra alternativa para fazer campanha neste sábado chuvoso em São Paulo. Cogitaram ir até o Mercado Municipal, na região central, para comer sanduíche de mortadela, mas acabaram decidindo ir para Itaquera, na Feira Tecnológica da Zona Leste.
(Pedro Venceslau e Luís Lima/Agência Estado)

quinta-feira, 24 de julho de 2014

A CORRUPÇÃO NA PREFEITURA DE TRÊS CORAÇÕES

Bem leitores e amigos. Este Blog vem acompanhando o imbróglio que envolve o ex-diretor do almoxarifado da Prefeitura de Três Corações, Dênis Leonardo, em uma série de compras dirigidas, serviços e falsificação de planilhas, como circula na insistentemente na Prefeitura. Falam que em apenas seis meses examinados o valor do rombo atinge R$ 300 mil. A descoberta do esquema se deu por acaso, por um descuido, contam.


O interessante é que tudo poderia ainda estar acontecendo se não fosse o acaso. Dênis é amigo íntimo do secretário de Governo, Dr. Ulisses Ferreira, o mesmo que já foi pego em escuta telefônica da Polícia Civil favorecendo traficantes e com eles tramando a morte de um oficial da Polícia Militar.

Dênis também é amigo do prefeito Cláudio, este acusado pelo Ministério Público Federal e Justiça Federal por falsificar guias do SUS para embolsar dinheiro dos mais carentes. 

Dênis foi transferido para a secretaria de Planejamento que já mostrou que muito planeja, mas em interesse próprio de sua secretária adjunta, com as benesses do Prefeito e do mesmo secretário Ulisses. Está em boa companhia.

Por tudo isso fica bem claro que se o Ministério Público Estadual, especialmente na pessoa do Promotor de Justiça Dr. Gustavo Brandão, não intervir firmemente vamos assistir mais um abominável caso de corrupção favorecendo meia dúzia de bandidos encastelados no poder.

Abraços
Paulão

quarta-feira, 23 de julho de 2014

RUI MUNIZ E A UNINCOR

Bem leitores e amigos: estou vendo no Face a alegria, até então justificável, de pessoas da comunidade tecendo loas à atual administração da UninCor.
Lembrando que a UninCor está sob o controle por determinado número de anos a ‘investidores’ ligado ao grupo Soebras, do prefeito de Montes Claros, Rui Muniz, com extensa ficha educacional, se é que me entendem.
Como esse contrato de transferência, ou seja que nome for, não foi dado transparência comunidade, recomenda-se cautela nesse entusiasmo.

Volto ao assunto!

SE LÁ ESTÁ ASSIM, IMAGINA POR AQUI!

Publicado no Estadão desta terça-feira


Ao transformar a cidade de São Paulo em um laboratório de experiências esdrúxulas e marqueteiras, o prefeito Fernando Haddad demonstrou, em menos de dois anos de gestão, que não governa para todos, mas apenas para grupos minoritários estridentes, e que se preocupa somente com os eventuais ganhos eleitorais de suas decisões. Como resultado, Haddad é considerado um mau prefeito por nada menos que 47% dos paulistanos, segundo a mais recente pesquisa Datafolha sobre a qualidade de sua gestão.
Com esse índice, Haddad passou a fazer companhia aos piores prefeitos que São Paulo já teve desde a redemocratização do Brasil. Ele não está muito longe, por exemplo, de Celso Pitta (1997-2000), cuja administração, após 1 ano e 6 meses, foi considerada ruim ou péssima por 54% dos paulistanos. Como os paulistanos hão de se recordar, Pitta foi aquele prefeito que chegou a ser afastado do cargo em razão de denúncias de corrupção e que destroçou as finanças do Município.

EX-PORTA-VOZ DE LULA APONTA SOLIDÃO DE DILMA EM CAMPANHA

Ricardo Kotscho, em foto de 2010


Apesar do pacto de lealdade que existe entre o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e sua sucessora, a presidente Dilma Rousseff, assessores de ambos têm tido embates nos bastidores da campanha. A informação, que vem sendo publicada em reportagens recentes, agora foi confirmada pelo jornalista Ricardo Kotscho, ex-porta-voz de Lula e figura próxima ao ex-presidente. Em texto publicado Kotscho vê Dilma “cada vez mais sozinha na estrada, com a campanha à reeleição mostrando rachaduras no governo, no partido e na base aliada”.
“De um lado, Franklin Martins e Gilberto Carvalho, mais próximos a Lula, defendem uma estratégia ofensiva contra a oposição e a mídia aliada; de outro, os colaboradores mais próximos de Dilma, tendo à frente o marqueteiro João Santana, preferem tocar o barco sem fazer marola até começar a propaganda na TV”, escreve Kotscho. Ele lembra que “raros são os que saem em defesa das políticas de governo, mesmo entre seus ministros” e que algumas das lideranças empresariais que apoiaram Dilma em 2010 “agora estão na moita ou pularam para o outro lado”.
Kotscho afirma que Aécio, até aqui, preocupou-se apenas em criticar o governo “sem apresentar propostas viáveis para os problemas que o país enfrenta”. O jornalista vê o quadro econômico como um adversário para a presidente Dilma, mas ressalta que Aécio, pela primeira vez na campanha, passou “de estilingue a vidraça” com as denúncias sobre a construção do aeroporto em Cláudio, Minas Gerais. Ele critica a cobertura da imprensa, que chama de “amiga” de Aécio, e conclui: “Muita água ainda vai correr por baixo da ponte nesta campanha eleitoral”.

TRE DESAPROVA CONTAS DO PTB, PSDB E PSC

A relatora dos processos é a juíza Alice Birchal
A Corte Eleitoral mineira desaprovou, por unanimidade, na sessão desta segunda-feira, 21, as contas dos diretórios regionais do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB), do Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB) e do Partido Social Cristão (PSC).As prestações de contas desaprovadas do PSDB e do PSC se referem ao exercício financeiro de 2010 e a do PTB, ao de 2011. Todas as três agremiações tiveram suspenso o recebimento das cotas do Fundo Partidário. A relatora dos processos é a juíza Alice Birchal.

Partido Trabalhista Brasileiro
De acordo com a relatora do processo, na prestação de contas do PTB houve “permanência de relevantes impropriedades contábeis ainda após todas as oportunidades de regularização das contas.” São elas: recebimento e uso irregulares de todo o recurso proveniente do Fundo Partidário e de recursos de fonte vedada; declaração de gastos excessivos com combustíveis e lubrificantes sem que constassem veículos no patrimônio; não especificação dos bens mencionados no grupo ativo imobilizado e não apresentação de notas fiscais.
Em razão das irregularidades, o PTB ficará sem receber cotas do Fundo Partidário por um ano e deverá recolher ao erário os valores dos recursos do Fundo Partidário aplicados de forma irregular pelo partido e dos recursos recebidos de fonte vedada. Além disso, a decisão determinou a cientificação do procurador regional eleitoral a respeito dos gastos do partido com combustíveis e lubrificantes e da ausência de notas fiscais, já que podem configurar uso indevido de recursos próprios e à margem da contabilidade.
Processo relacionado: PC 24792

Partido da Social Democracia Brasileira
A decisão do TRE reconheceu que, na prestação de contas do PSDB, existem “vícios que impedem à Justiça Eleitoral de aferir a real movimentação financeira, por conseguinte, maculam e comprometem a confiabilidade e regularidade da prestação de contas”. As irregularidades que levaram à desaprovação das contas da agremiação são: inobservância do percentual mínimo relativo à aplicação de recursos do Fundo Partidário na criação e manutenção de programas de promoção e difusão da participação política das mulheres; ausência de comprovação documental acerca da origem de recursos; recebimento de sobras não financeiras de campanha; ausência de comprovação satisfatória atinente à contabilização dos bens/materiais; despesas pagas com outros recursos, que não transitaram pela conta bancária e sem o correspondente registro contábil e lançamentos contábeis dos tributos retidos.
Pela desaprovação das contas, o PSDB teve o recebimento de cotas do Fundo Partidário suspenso por três meses e, pelo recebimento de recursos de origem não identificada, além do recolhimento, a suspensão do recebimento das cotas do Fundo Partidário até que o esclarecimento seja aceito pela Justiça Eleitoral.
Processo relacionado: PC 23175

Partido Social Cristão
Na prestação de contas do PSC permaneceram as seguintes irregularidades: realização de pagamentos de despesas partidárias com cheques ao portador e não cruzado; utilização de um único cheque para vários pagamentos; manutenção da Conta Caixa do Fundo Partidário com valor expressivo; contabilidade refeita em novo Livro Diário, sem registro, e Livro Razão; inobservância das normas atinentes à escrituração contábil; ausência de registro de nota fiscal; não apresentação de Guias da GFIPs do FGTS e da Previdência Social; transferência de valores de diversas origens para contas do Fundo Partidário; irregularidades dos registros contábeis na conta denominada Créditos de Origens não Identificadas; sobras de campanha, financeira e não-financeira, sem regularização contábil.
De acordo com a decisão do TRE, em razão do conjunto das irregularidades remanescentes, as cotas do Fundo Partidário foram suspensas por um mês.

Processo relacionado: PC 22398

(fonte: Corvo Veloz)

terça-feira, 22 de julho de 2014

TRÊS CORAÇÕES. NOTÍCIA IMPORTANTE SOB TODOS OS SEUS ASPECTOS

JUSTIÇA SEJA FEITA!

REPRESENTAÇÃO AO MINISTÉRIO PÚBLICO PEDE RESPONSABILIZAÇÃO PELA ‘TAXA’ DE ILUMINAÇÃO MAIS CARA

Conforme anunciei, reuni-me com o Promotor de Justiça, Dr. Gustavo Brandão, para discutirmos uma agenda comum de fiscalizações e a busca de moralização nas diversas esferas da gestão pública. Convidei também para estar conosco a vereadora Edna Mafra.
Começamos conversando sobre NEPOTISMO, e os meios que teríamos para identificar sua ocorrência nas esferas governamentais. Citei um pedido que fiz ao Executivo, no início do ano passado, para que me enviassem a relação de todos os funcionários, contratados/ comissionados/ efetivos, que ocupavam os principais cargos de todas as secretarias de nossa prefeitura, e que ainda não foi entregue, o que já configura má gestão, visto ser uma obrigação legal tal resposta. Então, nossa primeira ação para esclarecimento desta questão será o levantamento de documentação para início desta pesquisa.
Em seguida, conversamos sobre demissões que estão ocorrendo na secretaria municipal de educação, e nos questionamos se tal conduta seria abusiva. Infelizmente eu não tinha mais dados para levar adiante, por enquanto, esta discussão. Mas é importante que se saiba que o MP sempre responde quando é ‘provocado’, e que o Dr. Gustavo mostra fina sintonia com os movimentos que estão ocorrendo em nossa cidade, atento, sensível e tenaz no exercício de sua função. Para tanto, ele se reconhece em seus limites, mas possui um profundo conhecimento técnico que o habilita para esclarecimentos e para os passos necessários a serem dados na construção da justiça.
Reapresentei a ele uma ‘representação ao MP’ que eu havia feito em agosto do ano passado, solicitando que o município oferecesse TRANSPORTE PORTA-A-PORTA para pessoas com deficiências, para terem acesso à saúde e à educação. Como esta representação foi feita ao Dr. Victor Hugo, seu colega, ele se prontificou a responder-me sobre sua situação assim que tiver esses dados.
E, por fim, apresentei a ele a principal questão do dia: o reajuste na CIP (Custeio da Iluminação Pública). E, para minha surpresa, o que atestou nossa sintonia, ele já estava trabalhando sobre esta matéria. Relatei-lhe, em detalhes, e com apresentação de documentos, todo o processo de confecção das novas tarifas, que não coincidiram com a transferência de serviços que a ANEEL faria à Prefeitura, o que não justificaria tal aumento, especialmente porque a conta das taxas que já pagávamos é superavitária.
Dr. Gustavo, à época da queda da TIP (Taxa de Iluminação Púbica), foi quem ajudou a ‘derrubar’ este imposto, o que o torna bastante conhecedor deste tema. Infelizmente, a TIP foi constitucionalmente convertida na CIP: cabem então aqui dois questionamentos, o primeiro, mais difícil, sobre a possibilidade de se extinguir a CIP, e o segundo, sobre a possibilidade de se reverter o reajuste em suas tarifas, como foi feito.
Vale dizer que logo depois de nossa reunião, o Dr. Gustavo me telefonou dizendo que conseguiu dar bom andamento nesta representação e que em breve, na próxima semana, já teremos frutos dessa iniciativa: JUSTIÇA SEJA FEITA!

TRÊS CORAÇÕES: A RAZÃO SEM EMOÇÃO

“O poder é o afrodisíaco mais forte”, já afirmava Kissinger com total razão, haja vista acontecimentos recentes e de domínio público. Acontece que esse tipo de pessoa, com viés psicopático, não tem emoção ou sentimento algum, é tudo planejado nos mínimos detalhes. É típico da personalidade.
Quanto à moçoila, pensando não ser amada pelo marido, é usada; passa por um curto conto de fadas, ganha presentes caros, se apaixona... E depois é descartada. Geralmente, a família se desestrutura ou ela a perde de vez. No dia seguinte outra ocupa o seu lugar no mesmo jogo.

segunda-feira, 21 de julho de 2014

CONCURSO DA CÂMARA MUNICIPAL DE TRÊS CORAÇÕES

Câmara Municipal de Três Corações, em Minas Gerais, anunciou a abertura do Concurso Público nº 01/2014, destinado ao provimento de cargos para seu quadro permanente de pessoal. As vagas são para Agente Administrativo (7), Motorista (1) e Auxiliar Geral (5). Das 13 oportunidades, duas são para pessoas com necessidades especiais.
As remunerações, para jornadas de 30 horas semanais, vão de R$ 794,82 a R$ 1.319,50.
As inscrições podem ser realizadas pela internet de 29 de setembro de 2014 ao dia 28 de outubro de 2014, através do endereço eletrônico www.ambasp.org.br ou, de forma presencial, de segunda a sexta-feira, das 12h30 às 17h30, na Escola do Legislativo "Historiador Benefredo de Souza", na Câmara Municipal de Três Corações, que fica na Avenida Quinto Centenário do Brasil, nº 1010. As taxas vão de R$ 47,00 à R$ 79,00.
Podem participar candidatos com níveis Médio e Fundamental Incompleto, conforme o cargo pretendido.
Neste certame, os interessados deverão ser avaliados por meio de Prova Objetiva de Múltipla Escolha e Prova Prática.
O concurso será válido por dois anos, no entanto, conforme consta no edital, poderá ser prorrogado por igual período, conforme as necessidades da Administração da Câmara.
Mais detalhes sobre o certame podem ser encontrados no edital de abertura, disponível em nosso site, no link abaixo da notícia.

LEITORES E AMIGOS, CHEGUEI!

Bem leitores e amigos. no domingo (20) retornei de viagem; como foram quase 12 horas de avião e mais a viagem de Beagá para TC passei o dia de ontem descansando (dormindo). Amanhã volto com as postagens.

Abraços

Paulão

sexta-feira, 18 de julho de 2014

ALGUNS DADOS PESSOAIS SOBRE OS CANDIDATOS DE TRÊS CORAÇÕES

Dan nasceu em 9/2/1976 na cidade de Andrelância MG
Flávio Braga nasceu em 21/4/1978 em Santos SP
*Gordo Dentista nasceu em 26/11/1951 em Araxá MG
Juvenal Abreu nasceu em 20/11/1962 em Rio Pomba MG
Rinaldo nasceu em 13/01/1966 em Três Corações MG

*O candidato Gordo Dentista está com sua candidatura impugnada por improbidade administrativa, ainda no prazo de recurso.
Também seus dados pessoais tem incorreção na ficha junto ao TRE/MG, eis que ali consta ter nascido em Três Corações e não em Araxá, onde realmente nasceu. 

Então: dos cinco candidatos ao cargo de deputado estadual quatro são mineiros, sendo um deles tricordiano (Rinaldo), e um paulista (Flávio Braga).

Gordo Dentista é o mais velho, sendo o Flávio Braga o mais novo. 

TRÊS CORAÇÕES: O ESTELIONATO DA CONTA DE LUZ -CIP- CONTINUA

Nos meses de Maio/Abril este Blog publicou inúmeras postagens acerca da cobrança da CIP –Contribuição de Iluminação Pública- que dobrou na conta dos consumidores tricordianos. Este Blog mostrou o descarado estelionatário que o Prefeito Cláudio e seu secretário Ulisses, em conluio com funcionários da Cemig aplicaram na população quando afirmaram que o serviço de iluminação (troca de lâmpadas) seria de imediato passado para a Prefeitura. A mentira, a indução ao erro, que resultou em abusivo e desnecessário aumento, pois o serviço já era superavitário, acabou vencendo e engordando os cofres da prefeitura.

Hoje (18) publicamos que o prefeito de Passos entrou em juízo contra a CEMIG se recusando a assumir tal encargo, e fundamentando bem a decisão. Em Passos, o prefeito pensou na cidade e no seu futuro. Aqui, em Três Corações, o prefeito pensou só no seu bolso, pois está embolsando um dinheiro e sequer até hoje assumiu o que prometeu... E nem vai assumir.

E o dinheiro cobrado da população? Só a velhinha de Taubaté acredita que um dia será devolvido com juros e correção monetária...

Esse estelionato tem que ser investigado.

ILUMINAÇÃO PÚBLICA: PASSOS ENTRA NA JUSTIÇA CONTRA CEMIG E ANEEL PARA NÃO ASSUMIR SERVIÇO

Poste com transformador, luminária e lâmpada; ativos que a Prefeitura teria que assumir

O prefeito de Passos, no Sul de Minas, Ataíde Vilela, reafirmou nesta semana que o município não pode assumir mais custos, como as da iluminação pública, caso seja mantida a resolução da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) de transferir para os municípios a manutenção da iluminação de ruas, avenidas e praças. 
A declaração foi dada após um seminário da Associação Mineira de Municípios (AMM) discutir o assunto que vem preocupando muitos prefeitos, também sem condições de arcar com as despesas extras. Em Passos, a Prefeitura aguarda decisão da Justiça Federal para uma ação contrária à determinação da Aneel.
Por meio da resolução normativa 414 do ano de 2010, a Aneel obriga os municípios a assumirem a responsabilidade sobre os ativos das distribuidoras de energia elétrica com a iluminação pública. Essa obrigação começaria a vigorar em 31 de janeiro deste ano, quando as empresas deveriam concluir o processo de transferência, ficando as prefeituras responsabilizadas por projetos, implantações, expansões, instalações, manutenções e consumo de energia de ruas, avenidas e praças. 
De acordo com a AMM, esses ativos causariam um impacto financeiro nos custos dos municípios, uma vez que, conforme estimativas da Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig), os gastos com esses serviços ficariam entre R$ 6,50 e R$ 8,00 por ponto de iluminação pública. Com 14 mil pontos de iluminação pública, a cidade de Passos geraria uma despesa de R$ 1,2 milhão por ano, calculando-se o custo acima pela média. Com quedas frequentes nos repasses do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), a Prefeitura de Passos não tem como assumir mais despesas, segundo Ataíde Vilela. 
“Estamos recebendo repasses do FPM cada vez menores. Somando a inflação do período (primeiro semestre dos anos de 2013 e 2014), nosso município recebeu quase R$ 330 mil a menos de FPM neste ano, até junho”, lamenta o prefeito. Mas a contrariedade da administração municipal com a resolução da Aneel não se restringe à área econômica. 
Na jurídica, a administração afirma que a determinação é ilegal perante a constituição federal, pois não é da competência da agência fazer esse tipo de determinação às concessionárias de energia elétrica, não tendo, portanto, “poderes para reformar legislação de nível superior”. Com base nesse e em outros argumentos, a Prefeitura, por meio da Procuradoria do Município ingressou com uma ação ordinária contra a Aneel e a Cemig. 
“Nós entramos com tutela antecipada (pedido de liminar), mas a própria Aneel adiou o prazo e o juiz entendeu que não havia mais razão para concedê-la, restando então o mérito do processo para ser julgado. Se a decisão não sair até o fim do ano, iremos pedir nova tutela para que o Município não seja obrigado a cumprir a resolução a partir de 1º de janeiro de 2015”, explica o procurador, Alberto Minchillo Neto. 
Segundo o secretário municipal de Fazenda, Norival Luiz Barbosa, a arrecadação do Município caiu também em relação ao ICMS (Imposto sobre a Circulação de Mercadoria e Serviços). A receita com esse tributo também foi menor no semestre passado em comparação ao mesmo período de 2013. Em valores nominais, a diferença está em aproximadamente R$ 335 mil. Somada a inflação de 6,057% no período, a arrecadação em 2014 precisaria de mais R$ 497 mil para empatar com a de 2013.
(fonte: Corvo Veloz)

GILMAR RINALDI É O NOVO COORDENADOR GERAL DA CBF

Gilmar Rinaldi, novo coordenador da CBF
Gilmar Rinaldi foi anunciado na sede da CBF, na Barra da Tijuca (Celso Pupo/ Fotoarena )
O ex-goleiro Gilmar Rinaldi é o novo coordenador geral de seleções da CBF. O anúncio foi realizado pelo presidente da entidade, José Maria Marin, na manhã desta quinta-feira, na Barra da Tijuca, no Rio. Gilmar ocupará o cargo deixado por Carlos Alberto Parreira na equipe principal e dirigirá ainda todas as categorias de base da seleção. Tetracampeão em 1994, na reserva de Taffarel, Gilmar trabalhou como agente de jogadores nos últimos 14 anos. Ele, no entanto, deixou claro que se dedicará exclusivamente à nova função. “Minha atividade de agente Fifa agora está extinta oficialmente, não existe mais. Meu foco é, exclusivamente, a seleção brasileira.”
Gilmar Rinaldi, de 55 anos, não adiantou quem será o futuro treinador da seleção, mas revelou que a entidade não procura um estrangeiro. “Neste momento, técnico estrangeiro não se adapta a nossa realidade. Temos que buscar alguém na nossa casa, com nossos defeitos e nossas qualidades. O treinador, que vai ser escolhido em conjunto com o presidente Marin, precisa estar em sintonia direta conosco.” Segundo o coordenador, a CBF já definiu os candidatos ao cargo. ”Estamos em contato, traçando o perfil. Vamos conversar com essas pessoas e vamos ver se é realmente o que estamos pensando. Temos amistosos em breve, não temos muito tempo pra pensar.”
José Maria Marin revelou que o novo treinador deve ser anunciado em, no máximo, cinco dias. ”Pensamos em anunciar o novo técnico no início da próxima semana, talvez. Depende de algumas conversas que vamos ter neste fim de semana. Esperamos, no mais tardar, estar aqui na terça-feira para apresentar o novo treinador.”
(Veja/Com Agência France-Presse)